quarta-feira, 9 de maio de 2012

Copa Brasil de Arrancada: 200 carros aceleraram forte nos 402m do AIC, no último fim de semana

Copa Brasil de Arrancada é marcada por sistema mata-mata e cinco quebras de recordes

Copa Brasil de Arrancada começou com o pé no fundo! (foto: Filipe Sturion)
A primeira etapa da Copa Brasil de Arrancada, realizada no último fim de semana, 5 e 6 de maio foi marcada por cinco quebras de recordes e pelo novo formato da competição: o sistema mata-mata. Durante todo o sábado e no domingo pela manhã, os 200 participantes, divididos em 14 categorias, realizaram as largadas classificatórias e, no domingo à tarde, aconteceram as largadas eliminatórias (sistema mata-mata), que definiram os campeões. A competição também valeu pontos para a segunda etapa do Campeonato Paranaense.

Os recordes foram nas categorias Extreme 10,5, com Daniel Raniowski/PR fazendo os 402 metros em 8s348; na Turbo Traseira, com Guilherme Emiliano/PR (8s870); na Dianteira Turbo A, com Rodrigo Mizukami/SP (9s442); na Traseira Original, com Celso Camargo/SP (10s178); e na Dianteira Turbo B, com Vilson Ferreira/PR fazendo o trecho em 10s858.

Os vencedores da primeira etapa da Copa Brasil de Arrancada foram:
João Prazeres, na Standard
Marcelo Poltronieri, na Street Tração Traseira
Carlos Bento, na Dianteira Turbo C
Vilson Ferreira, na Dianteira Turbo B
Evaldo da Rocha, na Dianteira Original
Celso Camargo, na Traseira Original
Guilherme Emiliano, na Turbo Traseira
Armelino Souza, na Dianteira Super
Alexandre Sanches, na Traseira Super
Rodrigo Mizukami, na Dianteira Turbo A
Ricardo Vaz, na Força Livre Traseira
Cristiano Júlio, na Extreme 10,5
Hiroshi Abe, na Pro Mod
Ricardo Miyaki, na Força Livre Dianteira.

Além deles, os pilotos André Musseli, da categoria Desafio 15s, e Marcelo Poltronieri, da Desafio 14s, foram os vencedores, em suas categorias, da segunda etapa do Campeonato Paranaense de Arrancada.

O evento foi encerrado com um show de manobras radicais. A segunda etapa da Copa Brasil de Arrancada será de 1º a 3 de junho no Velopark, em Nova Santa Rita/RS. O Autódromo de Curitiba volta a receber a competição de 6 a 8 de julho, na terceira etapa.

Confira o quadro de recordes atualizado:
Categoria/Piloto/Tempo/Etapa
Drag Top Álcool: Sidnei Frigo/SP - 5s901 - 13º Festival BR/2006
Dragster Light: Ricardo Bersani/SP - 6s860 - 17º Festival BR/2010
Dragster Light 6cc: Valtinho Costa/SP - 6s902 - 4ª etapa do BR/2010
Pro Mod: Roderjan Busato/PR - 7s421 - 18º Festival BR/2011
Extreme 10,5: Daniel Raniowski/PR - 8s348 - 1º etapa Copa Brasil/2012
Força Livre Dianteira: Cacá Daud/SP - 8s520 - 17º Festival BR/2010
Drag Bike: Eduardo Bernasconi/SP - 8s873 - 16º Festival BR/2009
Força Livre Traseira: Rodrigo Fachinni/SP - 8s977 - 17º Festival BR/2010
Traseira Super: Gustavo Castagnon/MG - 9s002 - 18º Festival BR/2011
Turbo Traseira: Guilherme Emiliano/PR - 8s870 - 1º etapa Copa Brasil/2012
Drag Jr (201 metros): Isabela Porte/SP - 9s464 - 17º Festival BR/2010
Street Bike: Eduardo Bernasconi/SP - 9s465 - 15º Festival BR/2008
Dianteira Turbo A: Rodrigo Mizukami/SP - 9s442 - 1º etapa Copa Brasil/2012
Traseira Original: Celso Camargo/SP - 10s178 - 1º etapa Copa Brasil/2012
Dianteira Super: Felipe Johannpeter/RS - 10s477 - 16º Festival BR/2009
DianteiraTurbo B: Vilson Ferreira/PR - 10s858 - 1º etapa Copa Brasil/2012
Street Tração Traseira: Arthur Xavier Neto/PR - 11s476 - 4ª etapa do PR/2011
DianteiraTurbo C: Carlos Bento/SP - 11s478 - 18º Festival BR/2011
Dianteira Original: Arthur Telles/AM - 11s715 - 4ª etapa do PR/2011
Standard: Rafael Simon/RS - 12s569 - 4ª etapa do PR/2011

0 comente:

Postar um comentário

Comentários com fins publicitários devem ser enviados para o nosso e-mail de contato.

Google+ Followers