segunda-feira, 28 de maio de 2007

6 º Encontro Paranaense de Mustang

Shelby GT 500
A Ford Metropolitana ficou pequena para tantos Mustangs reunidos no último dia 06/05. Em um encontro realizado nesta Concessionária Ford, mais de 60 modelos disputaram a atenção do público que passou pelo local. Esta é a 6ª Edição do encontro, realizado pelo Mustang Clube de Curitiba. Estiveram presentes modelos de todas as gerações, desde as raras unidades do final dos anos 70 até um exemplar do Mustang Shelby GT500, igual ao exposto no último Salão Internacional do Automóvel de São Paulo. Confira alguns dos modelos presentes no evento:
Os modelos de 60 a 70


Os cavalinhos que vieram em 1995.
A nova safra.

Os invasores.


Alguns especiais.


Saiba mais sobre o Mustang Clube de Curitiba no http://www.mustangcuritiba.com.br/

quinta-feira, 17 de maio de 2007

Stock Car - 2ª Etapa - 2007

Alinhando para a largada, na reta oposta.

No fim de semana do dia 05 e 06 de maio, foi a vez do Autódromo receber a segunda etapa da Copa Nextel Stock Car. Com 3 categorias e cerca de 100 carros disputando na pista, o que não faltou foi emoção. Pena que boa parte dos presentes, principalmente os que estavam nas áreas Vips não estavam lá muito interessados nisto. A Stock virou uma categoria em que a coxinha com champagne em qualquer paddock de algum patrocinador tem mais importância do que a real disputa nas pistas. A própria arquibancada, área em que o público que gosta de Stock Car, mas não tem acesso as credenciais Vips assiste às corridas, está sendo cada vez mais resevado a convidados, em detrimento a quem paga os R$ 20,00 para estar lá. As melhores áreas da arquibancada ou estão reservadas, ou estão encobertas com alguma placa de patrocinador. Infelizmente o show está sendo reservado a quem consegue entrar em alguma área Vip ou então tem TV por assinatura, pois nem a Globo consegue transmitir a corrida sem colocar comerciais bem no meio dela.
Mas enfim, tirando estes detalhes, a corrida foi dominada pelo paranaense Rodrigo Sperafico, piloto da equipe também paranaense Action Power. Rodrigo fez a pole e dominou a corrida de ponta a ponta, sem sofrer grande pressão do segundo colocado, Thiago Camilo. Completando, em terceiro largou o também paranaense Ricardo Zonta e em quarto, Cacá Bueno. Cacá ultrapassou Zonta e quase no fim da corrida, Zonta quebrou o câmbio eacertou Cacá, o retirando da prova. Ricardo Maurício, vencedor da primeira etapa abandonou a prova, Popó Bueno bateu forte na curva da vitória e Tarso Marques, em disputa de pista danificou o capô. Poucos acidentes para uma prova movimentada. Confira abaixo algumas fotos que fiz na etapa:
Largada, quase completando a primeira volta.


Reta oposta, com o Peugeot de Valdeno Brito e o carro madrinha da Chevrolet.


Entrada da reta principal, com Rodrigo Sperafico e Pedro Gomes.


Fim da reta, com Valdeno Brito e Jader David.


Enrique Bernoldi, ex-F1 e Felipe Gama.


Thiago Camilo e Pedro Gomes, acidentado.


Luciano Burti e Felipe Maluhy.


Daniel Landi, rodando no treino classificatório e sendo resgatado.


Levantando poeira!


Welington Justino e Giuliano Losacco.


Ricardo Maurício e Marcos Gomes.


Um Mitsubishi errando e Paulo Salustiano.


Ricado Maurício e Ricado Zonta.


Mano Rola, depois de errar no fim da reta e Guto Negrão.


Rodrigo Sperafico e Giuliano Losacco.


Nonô Figueredo e Alceu Feldmann.


Nonô Figueredo e Valdeno Brito.


Ricardo Sperafico e Ricado Zonta.


O vencedor Rodrigo Sperafico e Giuliano Losacco.


Os Stock Júnior,


que ganharam muito em visual este ano.


Stock Light,


não muito valorizada, mas bem disputada.

Daniel Serra e o Bora.

Alan Khodair e o Astra.

Felipe Maluhy e Mitsubishi.

Mano Rola, no momento em que escapava no fim da reta.

Hoover Orsi, com o Bora.

Novamente Felipe Maluhy.

E Alan Khodair também.

Welington Justino de lado nos treinos.

Acabou na brita.

Bora usado para a Hot Lap.

Stock Light de A. Bastos.

Fernanda Parra, a mulher da Stock.

Stock Jr.

Stock Jr. com o motor estourado.

Mitsubishi usado para Hot Lap.


Ruben Carrapatoso e seu Lancer.

Welington Justino.

Rodrigo Sperafico, com o Bora que venceu em Curitiba.

Ruben Carrapatoso fechando a fila na entrada dos boxes, depois da bandeirada final.

Google+ Followers