quinta-feira, 28 de julho de 2011

Teste: MINI Cooper S é mais do que um modelo para "ver e ser visto"

O segmento dos carros de imagem ganhou muitos representantes nos últimos anos e um deles foi avaliado pela Equipe do Curitiba Racing: O MINI Cooper S.

Mini Cooper S
Andar com o MINI Cooper S 2012 pelas ruas de Curitiba é tornar-se automaticamente o centro das atenções. O modelo testado, na cor Prata Claro Metálica, desperta olhares por onde passa, mesmo já sendo um modelo fácil de ser visto pelas ruas da cidade. A cor escolhida de cara parece não agradar, mas conforme a incidência de luz, ela muda o tom, fazendo com que as óbvias opções vermelho ou british green ganhem concorrência.
Modelo tem os traços da versão original, em uma roupagem moderna.
A versão S é equipada com um motor 1.6l 16v turbo, rendendo 184cv e um torque de 240 Nm, que aliado a um câmbio automático sequencial de seis marchas com trocas no volante, traz um desempenho excepcional. São apenas alguns metros que o separam da imobilidade à infração grave de trânsito. Aliás, falando em trânsito, para respeitar os limites de 60km/h, não precisam mais do que 1500rpm no motor, o que rende o excelente consumo de cerca de 12km/l. É um pouco triste saber que boa parte dos 184cv estão adormecidos sob o capô no trânsito da cidade.

Bancos esportivos com acabamento em couro são ótimos.
A versão S traz uma infinidade de itens exclusivos, que diferencia o modelo das versões aspiradas, e que sao tanto voltados para o conforto dos ocupantes, como bancos em couro, computador de bordo, painel com check control, computador de bordo, GPS (em breve), acesso à redes sociais, teto solar duplo, ar condicionado digital, comandos elétricos, borboletas de trocas de marcha no painel e um excepcional sistema de som da Harman Kardon, quanto para o desempenho, como motor turbo, faróis bi-xenon, botão sport do câmbio, bancos esportivos, spoilers e aerofólio. Com isto, o modelo deixa de ser apenas um carro de imagem e passa a agregar um ótimo desempenho.
Rodas de aro 17"
Em se tratando dos ocupantes, o modelo é feito para levar confortavelmente duas pessoas. O banco traseiro tem espaço bem limitado, apesar da boa altura para a cabeça, abrigando apenas crianças com relativo conforto. O porta malas é compacto e caso seja usado para uma viagem curta, vai demandar o espaço do banco traseiro, como complemento.
Comportamento em curvas se assemelha a um kart.
Falando em estrada, parte do teste foi realizado nela. Em uma curta viagem até o munícipio de Campo Largo, podemos perceber aonde os 184cv fazem a diferença. A aceleração, frenagem e, principalmente, estabilidade são dignas de atender qualquer entusiasta de carros estradeiros. O silêncio a bordo nas baixas rotações, é trocado por um ronco encorpado e envolvente, assim que o turbo entra em ação, instigando a acelerar cada vez mais. Em aceleração, o MINI Cooper S apresentou um consumo de pouco mais de 5km/l. Complementando a esportividade, há em frente ao câmbio o botão Sport, que não só aumenta a rotação de troca das marchas, como deixa a direção mais precisa e o acelerador mais pesado.
Versão S tem itens exclusivos
Na parte externa a versão é inconfundível. Diferencia-se das versões aspiradas pela grade do radiador em colméia, na cor preta, saída do escapamento central dupla e cromada, entrada de ar no capô e parachoque dianteiro, aerofólio, rodas de aro 17" com pneus de perfil baixo, inscrição S no paralamas, teto solar duplo e faróis bi-xenon.
Mini Cooper S
A versão avaliada é considerada a top da linha MINI. Acima dela, só a John Cooper Works, que é baseada na versão S, porém com câmbio manual e 211cv de potência. A linha MINI começa com o lançamento ONE, por R$ 69.950,00 passam pelas versões aspiradas de 120cv Salt, Pepper e Chilli. O preço sugerido do modelo avaliado, versão 11/12 é de R$ 128.750,00

Serviço:
Euro Import MINI
Avenida Presidente Arthur Bernardes, 575
Fone (41) 3014-9800
www.euroimportmini.com.br
Entradas de ar dianteiras são um dos diferenciais da versão.
O S que identifica a versão
Modelo avaliado tinha itens de personalização, como a faixa lateral.
Motor 1.6l com turbo, rende 184cv
O contraste do preto e prata caiu bem neste modelo.
O tamanho total do modelo é de apenas 3,717m
Aceleração de 0 a 100km/h em cerca de 7 segundos
O teto solar é duplo, mas possui forro perfurado, sempre deixando o sol entrar no carro.
Estilo retrô invade a cabine, confortável na frente
Apertado no banco traseiro.
Faróis são Bi-xenon com lavador retrátil.
Sistema de Som harman/kardon hi fi.
Painel da linha 2012 tem várias funções, mas o velocímetro continua quase ilegível.
Botões de acionamento no estilo dos de avião.
Mini Cooper S

0 comente:

Postar um comentário

Comentários com fins publicitários devem ser enviados para o nosso e-mail de contato.

Google+ Followers